4 Regras básicas para aumentar a segurança na loja virtual

Loja virtual segurançaSe você tem um e-commerce, então a segurança de sua loja virtual é um fator essencial para que se consiga ter um negócio de sucesso.

É sabido que ano após ano, o comércio digital aumenta cada vez mais. Os números são reveladores, pois segundo os dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o comércio das lojas virtuais cresceu 12% entre 2016 e 2017.

Isto representa um faturamento de 56,9 bilhões de reais. E as previsões, mesmo com a crise, são de crescimento. Um aumento de 15% é esperado nesse ano de 2018.

Esses dados significam acréscimo no faturamento de 69 bilhões de reais e mais 220 milhões de pedidos de compra online que devem se realizar. O mercado continua forte mesmo com todos os problemas financeiros que o país enfrenta.

Crescimento = aumento de ameaças para as lojas virtuais

Mas, se por um lado o comércio em lojas virtuais continua pujante, cresce forte também o número de fraudes no setor. Segundo a Global Consumer Card Fraud, o Brasil ocupa a segunda posição no ranking mundial em fraudes no cartão de crédito, ficando atrás apenas para o México.

Os tipos mais usuais de fraude no ambiente online são:

  • Pessoas que tem a os dados roubados e a conta controlada por meio de phishing ou malwares;
  • Técnicas como pharming ou whaling, que visam o roubo de dados bancários e diversas informações do usuário;
  • Uso da triangulação, que consiste no roubo de cartões de crédito para fazer compras online, que são posteriormente revendidos;
  • Infecção em uma rede privada com softwares maliciosos, como o Botnet;
  • Quando uma afiliada tenta gerar receita de uma forma ilegítima, como induzir lojas virtuais a fazerem pagamentos de comissões indevidas.

Entre muitas outras. Com a expansão do mercado online, é natural que isto aconteça. Por isso é necessário que sua loja virtual invista pesado na segurança. Tanto dela quanto de seus clientes.

E é isto que vamos ver a seguir, são 4 regrinhas básicas bastante úteis para dar um boost na segurança de sua loja virtual.

As regras que vamos citar aqui são simples e devem fazer parte das providências de todas as pessoas que possuem uma loja virtual.

As lojas virtuais não só crescem, elas evoluem. E evoluem também as maneiras de se fraudar as suas operações, por isso é necessário estar sempre um passo à frente de possíveis indivíduos maliciosos.

Vamos a elas...

Escolha bons prestadores de serviços

procurando hospedagem de sites

Não se consegue “tocar” uma loja virtual completamente sozinho. É necessário de vários prestadores de serviço para fazer o negócio funcionar.

Desde hospedagem de site, empresas de manutenção de ponto de venda e serviços de pagamento online. Todas elas são fundamentais para lhe acompanhar na sua jornada de vendas.

Obviamente, esta quantidade de serviços terceirizados aumenta a complexidade de sua operação e tem um papel importante tanto para reduzir ou criar riscos. Qualquer erro pode colocar em jogo todo o seu negócio.

Certifique-se que todos estes prestadores de serviços tenham protocolos de segurança bem detalhados e completos. Verifique todas as possibilidades e tire todas as dúvidas antes de assinar qualquer contrato.

Sejam serviços de entrega ou armazenagem de produtos, até hospedagem de sites e sistemas de pagamento. Verifique tudo com rigor e fique com o melhor.

Coordene com seus parceiros processos para detecção, prevenção e alertas em caso de falha no sistema. Verifique se eles possuem:

  • Firewalls;
  • Sistemas antivírus;
  • Encriptação avançada;
  • Autenticação em dois passos;
  • Controles de acesso tanto físicos quanto lógicos;
  • Mecanismos de auditoria;
  • Controles de segmentação.

E tudo o que for possível para garantir a sua segurança e do seu cliente. Utilize critérios rigorosos para não ter que contar com a sorte.

Comunique-se com seu cliente de forma clara

 comunicacao com o cliente de forma eficiente

É importante ter políticas claras e objetivas, que sejam práticas e de fácil entendimento para o cliente, de forma que a negociação decorra da forma mais clara possível.

Uma das coisas importantes de se estabelecer com o cliente na sua loja virtual é sua política de privacidade. Faça que ela seja ampla e explique para o usuário de forma simples para que não restem dúvidas.

Deixe bem transparente a importância que sua loja virtual dá às informações pessoais do cliente. Demonstre que elas ficarão sigilosas durante todo o processo de compra.

Mostre também o motivo pelo qual você está recolhendo estes dados e de que forma estes dados são armazenados. Estas informações devem ser de fácil localização na sua página. Desenvolva um layout que transpareça confiança.

Considere utilizar a hospedagem dedicada

seguranca hospedagem de sitesNa hora de escolher a hospedagem de site, é bom não brincar. Escolha a melhor possível. Uma hospedagem dedicada é a melhor ideia.

Isto favorece tanto na segurança de sua loja virtual, quanto a possibilidade de ter mais autonomia na hora de gerenciar seu site. Sem dizer que as possibilidades de ficar fora do ar reduzem drasticamente.

Já, hospedagens compartilhadas são menos seguras. Principalmente porque se um site for afetado por um malware ou outro programa malicioso, todos os sites compartilhados serão infectados também.

Acredite, ao escolher criteriosamente a hospedagem de sites, levando em consideração referências e a relação de benefícios, você, também estará protegendo sua marca.

Faça testes de vulnerabilidade e penetração constantemente

testes de penetração hospedagem de sitesSempre que possível, conduza testes que vão testar a vulnerabilidade do seu sistema; a estabilidade da rede e suas soluções de segurança para e-commerce.

Este trabalho de segurança interna vai deixar sua loja virtual preparada para quaisquer ataques que ela porventura venha a sofrer. Desta forma, você vai ser capaz de perceber quais são os pontos fracos de sua segurança antes dos outros.

O que mais precisa saber sobre como proteger sua loja virtual...

Conforme o comércio eletrônico cresce, aumentam os riscos e os números de pessoas dispostas a se aproveitar desta modalidade. Considere isto e esteja sempre um passo à frente.

Toda a precaução é necessária. Não esqueça também de manter senhas fortes e de utilizar ferramentas de gestão de risco, ambas, ações providenciais para reunir vários dados relevantes de sua loja virtual visando a segurança.

E não esqueça da máxima: SEGURANÇA NUNCA É DEMAIS.

Esperamos que estas 4 dicas tenham ajudado a deixar a sua loja virtual cada vez mais segura e com mais chances de permanecer dinâmica na internet!

Deixe um comentário

(required)
(required)